Terça, 22 de Setembro de 2020 20:21
32 999532355
Eleições 2020 Eleições 2020

Santa Cruz de Minas: Aldo Batista (DEM) defende continuidade na gestão com ênfase no saneamento básico e “independência” de SJDR

Pré-candidato também fala sobre projetos culturais, saúde e recente polêmica envolvendo a prefeita e vereadores de Santa Cruz

09/09/2020 16h51
156
Por: Thais Marques
Foto: Reprodução vídeo
Foto: Reprodução vídeo

Em mais uma entrevista na série promovida pelo Mais Vertentes com os principais prés-candidatos ao executivo da região das Vertentes contou nesta terça (08), com a participação do vice-prefeito de Santa Cruz de Minas, Aldo Batista (DEM). O pré-candidato falou sobre projetos culturais, saneamento básico, a busca pela “maior independência” de SJDR e recente polêmica envolvendo a atual prefeita Sinara Campos (sem partido) e outros dois vereadores, Gleyson Silva e Eduardo Peligrinelli.

Aldo Batista (DEM), filho de Mauro e Elizete, tem quatro irmãos, é casado com Elaine e tem três filhos. É empresário do comércio de alimentos em mais 20 anos, com um barzinho que hoje é um mini-mercado em Santa Cruz de Minas. É da área de esportes, sendo ex-jogador amador de futebol que a família possui um projeto social de Jiu-Jitsu com mais de 100 crianças. Desde 2012 na política, foi convidado por Sinara Campos (na época PT) a ser vice-prefeito, onde está por dois mandatos. No primeiro mandato foi secretário de Esportes, Cultura e Lazer, onde implementou todos os conselhos da pasta, assim retomando o carnaval de Santa Cruz, entre vários outros projetos. É formado em administração, contabilidade e atualmente estuda gestão pública.

Aldo diz que não esperava o convite de Sinara a vice-prefeito em 2012, que a primeiro momento teve um “desgaste” por ter opiniões contrárias à prefeita, mas que a ideia foi unir forças, mesmo com o “estilo contrário”. O pré-candidato afirma ser apaixonado por Santa Cruz de Minas, onde é conhecido por causa do futebol e mesmo tendo passado por várias equipes de outras cidades, sempre fez questão de ser reconhecido como “Aldo do Porto”. Sua paixão por Santa Cruz e a vontade de não deixar retroceder o município são suas principais motivações para concorrer ao executivo. Segundo o vice-prefeito, no início foi difícil e com 70% de aprovação de seu mandato, mesmo com a pandemia, pretende prosseguir com as mudanças e conquistas de sua gestão.

Em relação ao vídeo publicado pela prefeita Sinara em suas redes sociais, onde se defende de acusações feitas à ela e ao vereador Gleison Freitas, pelo vereador Eduardo Pellegrinelli e por Alexandre Santiago, Aldo diz que Gleison fez o estágio pela empresa de consultoria enquanto estudante de administração. Segundo o vice-prefeito, a prefeitura tinha um contrato com a empresa e quando a consultoria terminou, o contrato também foi encerrado. Diz que foi feita a licitação na época e que tudo foi dentro da lei. Aldo comenta que a prefeita fez o boletim de ocorrência não por essa indagação e sim por alegarem desvio de dinheiro para a empresa de consultoria, que ainda está em funcionamento atendendo mais de 20 prefeituras, ao contrário do que Eduardo e Alexandre disseram. “Eles vão tentar de tudo para que haja mudança, mas eu espero que esteja tudo esclarecido”, diz Aldo.

No que diz respeito a “ser independente de São João del-Rei”, Aldo fala que sua fala não foi no sentido de criar concorrência e sim na área da saúde. “A saúde é um setor que não funciona muito legal nessas cidades maiores, então queremos evitar que nosso povo vá para a UPA. Então temos que pegar independência nesse sentido”, afirma o pré-candidato. 

Por ser comerciante, o vice-prefeito diz que a economia e a geração de empregos vão ser preocupações na sua gestão. Devido a pandemia do coronavírus, Aldo diz que teve diminuição no número de empresas, mas que o município está retomando “a todo vapor”. “Essa semana foram inauguradas 7 empresas novas em segmentos diferentes”, argumenta Aldo. O pré-candidato menciona estar fazendo contato com empresas para trazer empregos para o município.

 A maior fonte de renda no município, segundo Aldo, é o FPM (Fundo de Participação do Município) e que Santa Cruz ainda é dependente dos recursos vindos do estado. Para o vice-prefeito, a solução é usar a criatividade, e como exemplo citou a criação dos Conselhos Municipais para todas as secretarias, e que com os Conselhos o município conseguiu recursos extras. Cita o investimento no turismo para gerar o aumento de renda para os munícipes.

Em busca da ampliação com o diálogo com a prefeitura de São João del-Rei, o vice-prefeito afirma existir uma dificuldade. “Não sei se é uma má vontade, ou se a demanda é muito grande”, comenta. Pleiteia a criação de uma Policlínica, projeto que existe desde o primeiro mandato e está esperando a aprovação do estado, aumentando a estrutura física da UBS, além de ampliar o PSF. Aldo diz que a CISVER foi a solução para os pequenos municípios, onde ajudou o município com as demandas da saúde.

No que diz respeito à educação, o vice-prefeito pretende melhorar as escolas municipais, para além de melhorar a qualidade do ensino, evitar que os alunos que moram em Santa Cruz vão estudar em SJDR. Terminar a construção da Creche Municipal, manter a bolsa estudantil para os Universitários e o transporte público gratuito de estudantes universitários para SJDR também fazem parte dos projetos de Aldo. Destaca o CAIS como um programa de segundo tempo estudantil, onde as crianças fazem oficinas profissionalizantes.

Sobre os projetos culturais, o pré-candidato diz que seu sonho é sempre ter o Carnaval Municipal, deixando de ser dependente dos eventos da cidades vizinhas. “Nós reunimos todos os interessados, entre donos de blocos, bares e a Polícia Militar, e nos reunimos na Câmara Municipal e decidimos nos unir para dar certo”, diz o vice-prefeito. Reforça que o Carnaval de Santa Cruz é de família, de blocos de ruas e que não tem violência. Aldo diz que o Fest Vita - Festival de Viola, Torresmo e Angu é “o espelho de Santa Cruz de Minas”, que é feito em parceria com Chico Lobo e contou com cerca de 5 mil pessoas. “Foi o ápice de Santa Cruz de Minas, onde nós percebemos que realmente SCM estava mudada”, ressalta. O vice-prefeito também cita  o Encontro Anual de Bandas e o Natal na Praça como eventos importantes para a cidade.

Aldo diz que o índice de criminalidade do município é “quase zero”, que graças à política pública de geração de empregos e programas educacionais voltados às crianças, e adiciona que a segurança pública começa pela educação. “A nossa prioridade aqui são as pessoas”, afirma o vice-prefeito. O pré-candidato diz que, mesmo sendo batalhões compartilhados com SJDR, a presença das Polícia Civil e Militar dão uma sensação de segurança e que tem alguns projetos em parceria com a PM. 

Sobre o transbordo do lixo, Aldo diz que Santa Cruz é independente de SJDR, onde a coleta não é seletiva ainda devido à pandemia, mas que foi introduzido nas Escolas programas de conscientização sobre o meio-ambiente e a coleta. O vice-prefeito afirma que está em andamento junto à Assistência Social a ideia de fazer uma associação para fazer o separamento dos resíduos sólidos e líquidos.

No que diz respeito às fiscalizações do meio-ambiente, Aldo diz que acontece em conjunto aos órgãos responsáveis e que o projeto do Parque Ambiental está em andamento. O vice-prefeito diz que o recurso chegou pelo deputado federal Dr. Frederico (Patriota) e que uma das pretensões é colocar a população na Serra “de um jeito correto”, com banheiros, quiosques e uma ciclovia.

O vice-prefeito fala sobre o projeto Costurando Vidas, onde a prefeitura, em conjunto de costureiras do município, doa máscaras para os Hospitais e para a população e afirma que pretende continuar com o projeto no município futuramente. Ainda sobre as medidas tomadas durante a pandemia, Aldo diz que não faria nada diferente. “Eu não sou médico, então eu vou seguir o que o médico mandar. É melhor pecar pelo excesso do que pecar depois pelo número de mortos na nossa cidade”, explica. Aldo comenta que a pressão sobre si foi grande por ser comerciante, que a prefeitura disponibilizou uma ajuda para os comerciantes e o município foi flexibilizando a abertura de acordo com o programa Minas Consciente. O vice-prefeito pontua as dificuldades devido às ações diferentes de gestores das cidades vizinhas. “O ideal seria que todos agissem iguais, mas infelizmente não conseguem fazer isso, expõe. O pré-candidato diz que apesar dos óbitos, “um trabalho de guerra” foi feito e hoje a infecção foi controlada no município.

Sobre o saneamento básico, o pré-candidato diz que vai ser o maior desafio de sua gestão. O vice-prefeito diz ser necessário a reestruturação de todo o saneamento, que ainda é antigo, e que a atualização das tubulações já vem sendo feito em pequenas manutenções. O pré-candidato pretende manter o tratamento da água de forma gratuita como vem sendo feito e afirma ser questão de saúde pública o tratamento prioritário da água. Aldo pleiteia, se for eleito, conseguir recursos para prosseguir com o projeto.

Confira a live na íntegra.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Santa Cruz de Minas - MG

Santa Cruz de Minas - Minas Gerais

Sobre o município
Notícias de Santa Cruz de Minas - MG
São João del Rei - MG
Atualizado às 20h12 - Fonte: Climatempo
14°
Céu encoberto

Mín. 12° Máx. 19°

14° Sensação
39.7 km/h Vento
86.3% Umidade do ar
90% (25mm) Chance de chuva
Amanhã (23/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 12° Máx. 18°

Sol com muitas nuvens e chuva
Quinta (24/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 24°

Sol com muitas nuvens e chuva
Ele1 - Criar site de notícias