Domingo, 25 de Outubro de 2020 02:21
32 999532355
Saúde Retomada INSS

São João del-Rei e Barbacena: Médicos do INSS não retornam

Com serviços atrasados, órgão tem queda de braço com médicos peritos e atendimento presencial continua suspenso e/ou realizado de forma remota

17/09/2020 15h34 Atualizada há 1 mês
715
Por: João P. Sacramento
São João del-Rei e Barbacena: Médicos do INSS não retornam. Foto: Reprodução/Internet
São João del-Rei e Barbacena: Médicos do INSS não retornam. Foto: Reprodução/Internet

A reabertura das agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) instaurou uma queda de braços entre o órgão e médicos peritos, mas quem sofre são os segurados. Isso, em meio à pandemia do novo coronavírus e restrição de atendimentos presenciais por quase seis meses.

Com serviços atrasados, o INSS entra em conflito com os médicos que recusam a retomada alegando que as agências não foram aprovadas em inspeção. O órgão diz que grande parte das agências chegaram a apresentar sim problemas estruturais relativos à perícia, mas não aos protocolos em relação à Covid-19.

Com isso, a retomada do atendimento presencial do INSS já tem filas e reclamações por todo o país, incluindo São João del-Rei e Barbacena. Os médicos não retornaram e as perícias agendadas estão sendo suspensas ou realizadas online.

Enquanto os profissionais da saúde acusam o INSS de não terem feito as adaptações necessárias nas agências para receber os segurados, em ambiente que gera aglomeração e tem público em grande parte idoso (grupo de risco para a Covid-19), o órgão rebate que os peritos pedem melhorias que estariam além do propósito de prevenção da Covid-19.

E, mesmo algumas poucas agências, cujos protocolos foram aprovados pelos peritos, no entanto, não retomaram a perícia médica.

Em nota, o INSS admite que "algumas agências" não atendiam todo o protocolo exigido pela Perícia Médica Federal, mas foram retiradas da lista dos locais que abririam na última segunda-feira (14) e retornarão assim que todos os protocolos forem atendidos, "da forma mais célere possível".

O órgão não informa, contudo, quando pretende retomar plenas atividades. Os peritos contestam essas novas inspeções.

O Vice-presidente da Associação Nacional de Médicos Peritos (ANMP), Francisco Cardoso afirma que as poucas agências autorizadas a funcionar ficam em pequenas cidades do interior, a maioria com um único perito e incapazes de suprir inclusive a demanda local.

"A Covid-19 exige que o INSS fique em dia com coisas que há anos vínhamos cobrando e eles se fazem de surdos. Agora é a nossa vida e a dos segurados em jogo. Não se negocia isso", afirma o representante.

SJDR e Barbacena

Em São João del-Rei e Barbacena os médicos ainda não retornaram às atividades. O portal Mais Vertentes tentou contato com o INSS de SJDR, através do telefone e WhatsApp informados para o agendamento.

Apenas por WhatsApp, o INSS de SJDR informou que "o atendimento presencial está sendo feito somente para quem está agendado, exceto às perícias médicas que continuarão sendo realizadas online". 

Já em Barbacena, a informação é de que os médicos ainda não se apresentaram e não há data prevista para retorno.

O telefone de WhatsApp do INSS de SJDR é 32 3371-8638

Como ficam os atendimentos?

A retomada de alguns serviços de forma presencial nas agências do Instituto do Seguro Social (INSS) levou ao aumento da demanda de segurados por atendimento nos canais digitais e telefônico. 

Os serviços que voltaram a ser feitos nas agências precisam ser agendados, mas, com o excesso de demanda, o telefone 135 estava com todas as linhas de atendimento congestionadas já na terça (15).

O INSS admitiu que a central 135 enfrentou problemas, principalmente para quem ligou do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

E o pagamento?

Mesmo com as agências fechadas por quase seis meses, o INSS continuou a pagar benefícios que precisam de perícia médica. De janeiro a julho deste ano, foram pagos R$ 46,3 bilhões para os beneficiários de aposentadoria por invalidez, auxílio-doença e auxílio-acidente. Esse valor é 14,4% maior que o pago nos mesmos meses de 2019, que tiveram um total de R$ 40,5 bilhões.

O INSS autorizou a antecipação de um salário mínimo (R$ 1.045) mensal para trabalhadores que estão na fila do auxílio-doença ou que solicitarem o benefício, por conta da pandemia. Com isso, possibilitou solicitar o auxílio-doença mediante apenas apresentação de atestado médico, sem a necessidade de agendar ou realizar perícia médica federal.

Durante os meses em que as agências ficaram fechadas, foram antecipados os pagamentos de 876 mil auxílios doença e de 186 mil cadastrados no BPC (Benefício de Prestação Continuada).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
São João del Rei - MG
Atualizado às 01h56 - Fonte: Climatempo
16°
Chuva

Mín. 15° Máx. 21°

16° Sensação
13 km/h Vento
98.9% Umidade do ar
80% (8mm) Chance de chuva
Amanhã (26/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 24°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Terça (27/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 27°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias