Quinta, 26 de Novembro de 2020 14:38
32 999532355
Educação Educação

Enade 2019: cursos presenciais e de universidades públicas têm nota mais alta

O exame do MEC busca medir o aprendizado dos alunos que estão se formando em um curso de nível superior. Com excelência das federais, UFMG se destaca

21/10/2020 17h32
206
Por: João P. Sacramento
Foto: Divulgação / Arquivo UFMG
Foto: Divulgação / Arquivo UFMG

Os resultados do último Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade 2019), divulgados pelo Ministério da Educação (MEC) nesta terça-feira (20), mostram um desempenho superior dos alunos de universidades públicas e que fazem cursos presenciais em comparação ao de estudantes de instituições privadas e que estão matriculados no ensino a distância (EAD).

Quando os cursos avaliados são comparados quanto à modalidade de ensino, nota-se um desempenho superior dos estudantes que têm aulas presenciais. Enquanto 27% dos cursos presenciais tiveram os conceitos 5 ou 4, os mais altos, entre os cursos a distância, esse índice cai para 16,7%. 

Outro dado que chama a atenção é o de que mais da metade dos cursos de EAD (51,3%) tiveram os conceitos 1 e 2, que representam conhecimento insatisfatório por parte dos alunos. Nos cursos presenciais, esse índice é de 35%.

Já o recorte que leva em conta o tipo de instituição mostra melhor desempenho dos alunos de instituições públicas. Dos cursos das federais avaliados, 70,1% tiveram conceitos 5 ou 4, os mais altos. Já entre as instituições estaduais, esse índice é de 61,1%. Nas privadas com fins lucrativos e sem fins lucrativos, as taxas são, respectivamente, 12,4% e 18% dos cursos com conceito 5 ou 4. 

Além disso, 48% dos cursos de instituições privadas com fins lucrativos e 37,9% das particulares sem fins lucrativos obtiveram conceitos 1 ou 2. Em Brasília, todos os cursos com conceito 5 são oferecidos por instituições públicas.

Como funciona o Enade

A prova do Enade é composta de 40 questões, sendo 10 de formação geral (que aferem aspectos da formação profissional) e 30 de componente específico (com perguntas específicas sobre o curso no qual o aluno está se formando). Esse teste permite que o MEC produza dois indicadores de qualidade: o Conceito Enade e o Indicador de Diferença entre os Desempenhos Esperado e Observado (IDD).

O Conceito Enade é calculado a partir do desempenho dos alunos na prova. Já o IDD leva em conta também o desempenho do aluno no Exame nacional do Ensino Médio (Enem), para medir o valor agregado pelo curso ao desenvolvimento dos estudantes concluintes.

O Enade é um dos processos avaliativos que integram o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) e busca aferir o desempenho dos estudantes em relação a conhecimentos, competências e habilidades desenvolvidas ao longo do curso. O exame, sozinho, não consegue aferir a qualidade de um curso, uma vez que o estudante pode entregar a prova em branco sem nenhum prejuízo para ele, o que pode gerar distorções nos dados.

Excelência nas federais

Os dados divulgados pelo Inep, órgão do Ministério da Educação (MEC) responsável pela avaliação do sistema de ensino superior demonstram que a maior parte da excelência no ensino superior brasileiro está no sistema federal, que concentra 67% das notas máximas obtidas pelos estudantes de todo o país. Universidades estaduais concentram outros 14,5% das notas máximas. 

As universidades federais respondem por menos de 5% dos conceitos 1 e 2, que representam risco de descredenciamento do curso. Já as instituições privadas têm quase 47% dos cursos avaliados com esses conceitos e apenas 1,4% avaliados com nota 5.

UFMG destaca-se com desempenho acima da média nacional

A UFMG alcançou nota máxima (5) em 19 dos 23 cursos, ou 82,6% do total; três conseguiram conceito Muito Bom (nota 4). Além disso, do total de cursos avaliados, 15 ainda melhoraram o seu desempenho em relação à avaliação anterior (2016/2017), dos quais sete (30% do total) subiram uma faixa no conceito: Agronomia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina, Odontologia e Tecnologia em Radiologia, que chegaram ao conceito 5. Zootecnia subiu para 4. Nenhum curso registrou queda de desempenho.

O desempenho dos estudantes da UFMG fica acima da média nacional em 22 das 23 carreiras avaliadas. A exceção é o curso de Engenharia de Alimentos, oferecido no Instituto de Ciências Agrárias (ICA), em Montes Claros, ainda em fase de consolidação – mesmo assim obteve o conceito de suficiência (3).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
São João del Rei - MG
Atualizado às 14h32 - Fonte: Climatempo
28°
Poucas nuvens

Mín. 15° Máx. 24°

28° Sensação
3 km/h Vento
47% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (27/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 14° Máx. 27°

Sol com algumas nuvens
Sábado (28/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 14° Máx. 25°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias