Sábado, 27 de Fevereiro de 2021 09:38
32 999532355
Dólar comercial R$ 5,61 1.659%
Euro R$ 6,77 +0.77%
Peso Argentino R$ 0,06 +1.57%
Bitcoin R$ 281.583,44 +1.574%
Bovespa 110.035,17 pontos -1.98%
Economia Copasa

Copasa: Suspeita de cobrança indevida em mais de 500 mil contas de água é investigada em Minas

Prejuízo a consumidores do estado pode ultrapassar R$ 14 milhões. Segundo a Arsae, inconsistências encontradas abrangem 419.983 usuários, com possível necessidade de retificação de até 559.847 contas.

11/02/2021 15h48
403
Por: Adriano Vianini Fonte: G1 Minas Gerais
Consumidores reclamam de conta de água da Copasa bem mais alta durante a pandemia. — Foto: Leitura de água (imagem ilustrativa)
Consumidores reclamam de conta de água da Copasa bem mais alta durante a pandemia. — Foto: Leitura de água (imagem ilustrativa)

Mais de 500 mil contas da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) apresentaram inconsistências durante a pandemia, o que pode ter provocando prejuízo de R$ 14,3 milhões a consumidores do estado. A Agencia Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário (Arsae) abriu um procedimento administrativo, nesta quarta-feira (10), para apurar as supostas cobranças irregulares.

"São cobranças a maior, uma vez que, ao iniciar a pandemia, os leituristas foram retirados. As medições foram feitas pela média histórica, porém o consumo pós-pandemia mudou. Essas pessoas foram enquadradas em faixas de consumo diferenciadas, o que provocou distorções no valor final da fatura", disse o chefe de gabinete da Arsae, Gustavo Medeiros.

As inconsistências encontradas abrangem 419.983 usuários, com possível necessidade de retificação de até 559.847 contas.

O problema foi identificado após a equipe técnica da agência analisar mais de 6 milhões de faturas, de janeiro a junho do ano passado. Medeiros disse que os mais de R$ 14 milhões que podem ter sido cobrados a mais devem ser devolvidos aos consumidores, caso as inconsistências sejam comprovadas ao fim do processo.

Ele explica que agora a Copasa tem prazo de 15 dias para apresentar as justificativas, que serão avaliadas pela diretoria da Arsae. "A depender das justificativas apresentadas pela Copasa, pode se dar a devolução em dobro desses valores. Isso é processo administrativo que vai definir se a cobrança vai ser simplificada, devolução apenas do valor, ou se essa devolução vai ter que acontecer de maneira duplicada", afirmou.

O que diz a Copasa

Procurada, a Copasa confirmou que a pandemia impediu o trabalho de leituristas e que "houve casos de faturas emitidas por média". Segundo a companhia, os critérios de cobrança por média de consumo são autorizados por "normas regulatórias".

Leia a resposta na íntegra:

"A Copasa informa que o período pandêmico, ainda em curso, impediu que nossos leituristas fizessem a aferição de consumo nas residências em quantidade significativa de ligações. Isso se deu em razão de atendermos as normas de saúde pública, para a proteção de toda sociedade. Em várias cidades houve, inclusive, medidas impostas contra a circulação de pessoas.

Assim, houve casos de faturas emitidas por média. A Copasa destaca que os critérios de cobrança pela média de consumo, em situações de impedimento de leitura (portão fechado, por exemplo) é autorizado pelas normas regulatórias.

Copasa — Foto: Copasa/Divulgação
Copasa — Foto: Copasa/Divulgação

No mesmo período, os canais virtuais de atendimento da Copasa responderam todas as reclamações que alegaram excesso de consumo. Dando repostas e explicações diretamente a todos os seus clientes.

A Copasa, durante todo este período, está esclarecendo e comunicando a população para desenvolver o hábito do acompanhamento do consumo e realizar a autoleitura. Assim, além de aferir o seu consumo, o cliente pode, inclusive, adotar medidas de uso consciente de água e promover a redução de consumo e, consequentemente, a diminuição do valor de sua conta.

A Copasa esclarece que aproximadamente 70% de seus hidrômetros são instalados internamente nas edificações, impedindo, assim, que a leitura seja feita sem o contato com o cliente."

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
São João del Rei - MG
Atualizado às 09h32 - Fonte: Climatempo
19°
Muitas nuvens

Mín. 17° Máx. 24°

19° Sensação
1 km/h Vento
94% Umidade do ar
90% (5mm) Chance de chuva
Amanhã (28/02)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 25°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Segunda (01/03)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 26°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias