Segunda, 27 de Setembro de 2021
21°

Pancada de chuva

São João del Rei - MG

Anúncio
Meio Ambiente Agropecuária

Minas Gerais: Caso suspeito de “vaca louca” é identificada em frigorífico de BH

Amostras do animal foram enviadas a laboratório da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), no Canadá, para análises mais detalhadas

03/09/2021 às 15h16
Por: João P. Sacramento
Compartilhe:
Foto: Reprodução / Agência Minas
Foto: Reprodução / Agência Minas

Autoridades brasileiras identificaram um caso de “vaca louca” atípica em um animal com mais de 10 anos em Minas Gerais, afirmou o sócio-diretor da Scot Consultoria, Alcides Torres. Ele relatou que a suspeita foi informada aos frigoríficos que atuam na região pelo Serviço de Inspeção Federal (SIF). Como de praxe, o Ministério da Agricultura já coletou amostras do animal, enviadas a um laboratório da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE, em inglês) no Canadá para análises mais detalhadas, segundo Torres.

A doença é considerada atípica quando é originada no próprio organismo do bovino, normalmente em animais com idade mais avançada. O objetivo da análise laboratorial é confirmar essa classificação e descartar a influência de fatores externos no caso, o que poderia influenciar na comercialização para o mercado estrangeiro.

A notícia desencadeou um movimento de queda nos contratos futuros do boi gordo na B3 e no mercado físico, em virtude de maior cautela do setor quanto a uma possível restrição nas exportações de carne bovina brasileiras.

O especialista comentou, ainda, que os grandes frigoríficos decidiram suspender as exportações até que a situação seja esclarecida. “Isso é bom porque mostra o comprometimento da cadeia brasileira com a segurança alimentar”, acrescentou.

Questionado sobre os relatos do caso atípico, o Ministério da Agricultura disse que o Brasil adota procedimentos de vigilância, investigação e notificações recomendadas pela Organização Mundial de Saúde Animal. 

“Casos em investigação são corriqueiros dentro dos procedimentos de vigilância estabelecidos e medidas preventivas são adotadas imediatamente para garantir o controle sanitário. Uma vez concluído o processo em investigação, os resultados serão informados”, informou o ministério em nota.

Com informações: CNN Brasil

 

Faça parte e ajude o Mais Vertentes

Precisamos de você para seguirmos independentes, investigativos e fortes. Ajude-nos com o jornalismo que nasceu para cutucar e mudar. Ou vai continuar lendo só o que eles querem que publique? 

Ajude aqui o Mais Vertentes!

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias