Segunda, 27 de Setembro de 2021
29°

Poucas nuvens

São João del Rei - MG

Anúncio
Meio Ambiente Queimada

Ouro Branco: Combate ao incêndio no Parque Estadual da Serra de Ouro Branco entra no terceiro dia

Diversos focos já destruíram vegetações mistas de pasto, cerrado e mata atlântica e ameaçam a Serra de Ouro Branco; paredão abaixo da serra é o mais afetado

10/09/2021 às 15h11 Atualizada em 10/09/2021 às 16h27
Por: Adriano Vianini Fonte: EM
Compartilhe:
O parque tem uma área aproximada de 7.520 hectares. Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros
O parque tem uma área aproximada de 7.520 hectares. Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

O dia amanheceu coberto de fumaça no céu de Ouro Branco, na Região Central de Minas Gerais. O motivo é a dificuldade de controlar um incêndio  no Parque Estadual da Serra de Ouro Branco que entra para o terceiro dia de chamas. O parque está situado na borda sul do Quadrilátero Ferrífero e compreende as cidades de Ouro Branco e Ouro Preto.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, os trabalhos de combate às chamas retornaram por volta das 6h desta sexta-feira (10/9) e parte da reversa ambiental já foi atingida pelo incêndio, considerado de grandes proporções. Diversos focos já destruíram vegetações mistas de pasto, cerrado e mata atlântica e ameaçam a Serra de Ouro Branco.

Segundo a última atualização do Corpo de Bombeiros, nesta sexta-feira, a equipe da força-tarefa, composta pelo Corpo de Bombeiros, Defesa Civil de Ouro Branco e IEF, trabalhou ontem com 23 combatentes e hoje estão 30 pessoas. Nessa quinta-feira, foram utilizados dois aviões Air Tractor e um helicóptero do Previncêndio do Instituto Estadual de Florestas (IEF).

O combate, segundo o Corpo de Bombeiros, se concentrou principalmente abaixo do paredão da serra e uma linha de fogo permanece em um local de acesso impossível o que levou os combatentes a fazer o controle no topo da serra.

O parque tem uma área aproximada de 7.520 hectares e de acordo com o Corpo de Bombeiros ainda não dá para calcular o tamanho da destruição que já atingiu a reserva ambiental.

Situação em Minas Gerais

De acordo com Corpo de Bombeiros, desde às 11h da quinta-feira (9/9)) até às 11h de hoje, foram registradas pelo menos 223 solicitações ao CBMMG para atuação em incêndios em vegetações em toda Minas Gerais. De janeiro a gosto de 2021 são 17.631 registros de incêndios em áreas florestais no estado e o mês de agosto fechou com 5.227. Comparado a 2020, no mesmo período, foram 13.093 incêndios e o agosto de 2020 fechou com 4.049.

Informações: Estado de Minas

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias