Domingo, 28 de Novembro de 2021
19°

Poucas nuvens

São João del Rei - MG

Cultura Consciência Negra

São João del-Rei: Marcha Dandaras e Zumbis dos Palmares celebra o Dia da Consciência Negra neste sábado (20)

Diversos artistas da região se apresentarão a partir das 17h00, em frente à Igreja do Rosário, em celebração ao Dia da Consciência Negra e a resistência da negritude no Brasil

19/11/2021 às 16h01 Atualizada em 19/11/2021 às 19h10
Por: Thais Marques
Compartilhe:
Foto: Divulgação/Instagram @movimento.negro.sjdr
Foto: Divulgação/Instagram @movimento.negro.sjdr

O Movimento Negro de São João del-Rei, em parceria com o Afronte SJDR e a Frente Fora Bolsonaro promovem neste sábado (20) a Marcha Dandaras e Zumbis dos Palmares, onde diversos artistas da região se apresentarão em frente à Igreja de Nossa Senhora do Rosário, a partir das 17h00, em celebração ao Dia da Consciência Negra

Através da cultura, o evento pretende exaltar um povo de luta, resistência e também que celebra sua existência. Dentre as apresentações culturais estão os artistas Ágatha Fiori, Bruna Guimarães, Cjun, Danielle Rodrigues, Isis Ferreira, Jessé e Mari P; João Bessa e Maria Anália. As apresentações terão início às 17h00, após o ato unificado #20NForaBolsonaroRacista, que também será realizado em diversas cidades do país. Em São João del-Rei, a concentração do ato unificado será a partir das 15h30 em frente ao Coreto, no Centro da cidade.

O Dia da Consciência Negra é celebrado no Brasil na data em que Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo de Palmares e que comandava o maior reduto de resistência à escravidão do período colonial no país, foi assassinado em 1695. A data também celebra Dandara dos Palmares, guerreira de Palmares que tirou a própria vida após ser presa para não retornar à condição de escrava em 1694. Zumbi foi seu marido e com ele a guerreira teve três filhos.

Após muitos anos de luta dos Movimentos Negros no Brasil, o Dia da Consciência Negra foi criado em 2003 como fato histórico relevante (efeméride) incluído no calendário escolar oficialmente até a criação da Lei nº 12 519, de 10 de novembro de 2011, que instituiu o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra. 

Neste dia, diversos atos culturais de resistências, celebração da negritude e debates de políticas públicas voltadas à defesa dos direitos humanos das pessoas negras ocorrem em diversas mais de mil municípios do país e também oficialmente em cinco estados que incluíram a data em seus calendários: Alagoas, Amazonas, Amapá, Mato Grosso, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro. Por ainda não ser considerado um feriado nacional, o 20 de novembro só é feriado em locais com leis municipais ou estaduais específicas.

"O Dia da Consciência Negra é um dia de homenagens a memória de Dandara e Zumbi dos Palmares, que com bravura, lutaram contra a escravização do nosso povo. Também, é um dia de exaltação a todas as difíceis conquistas que tivemos desde que o primeiro negro pisou neste solo!", diz o Movimento Negro de SJDR em nota nas redes sociais.

 

Com informações: Agência Senado*

Faça parte e ajude o Mais Vertentes

Precisamos de você para seguirmos independentes, investigativos e fortes. Ajude-nos com o jornalismo que nasceu para cutucar e mudar. Ou vai continuar lendo só o que eles querem que publique? 

Ajude aqui o Mais Vertentes!

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias