Sábado, 27 de Novembro de 2021
17°

Poucas nuvens

São João del Rei - MG

Cultura Artistas protestam

Barbacena: Artistas locais protestam contra proposta de trabalho "voluntária" da Prefeitura nas festividades do Natal 2021

Edital lançado na última semana pela Prefeitura Municipal de Barbacena diz que não haverá remuneração aos artistas, pois é considerado “serviço público ativo”; empresa contratada para organizar o evento receberá R$ 620 mil.

23/11/2021 às 16h22 Atualizada em 24/11/2021 às 13h56
Por: Thais Marques
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Prefeitura Municipal de Barbacena
Foto: Reprodução/Prefeitura Municipal de Barbacena

Artistas da cidade de Barbacena estão protestando contra a Prefeitura Municipal após a divulgação do Edital 05/2021 para processo de seleção de atores, cantores, músicos, grupos musicais e dançarinos da cidade para se apresentarem de forma voluntária durante as festividades do Natal 2021. Em contrapartida, a empresa contratada para realizar o evento receberá R$620 mil de verba da Prefeitura. Vereadores cobram do prefeito Carlos Du (MDB) um posicionamento sobre os gastos do Executivo com o Natal da cidade.

Nas redes sociais, diversos artistas e trabalhadores da cultura de Barbacena postaram contra a investida da Prefeitura, clamando por respeito aos seus trabalhos. Entre eles, está o violinista Lucas Paiva, que fez um desabafo pedindo para que os artistas não se inscrevam no edital em forma de protesto.

“Esse primeiro processo de negação talvez hoje seja o único modo de vocês (artistas) serem reconhecidos e valorizados como vocês merecem. Os artistas de Barbacena são bons. Existem muitos artistas bons daqui e que merecem tal valorização e não esse descaso que foi lançado no edital”, diz o violista. 

Em uma carta aberta, o artista Kaike Barto também se manifestou e afirmou que “é indiscutível que precisamos debater em Barbacena a valorização do trabalho artístico”. “A questão é que nós artistas sempre estamos submetidos a esta condição. Sempre temos que provar nossas capacidades até o limite em troca de portfólio. Isso não paga nossas contas. Se não há investimento das empresas em arte, que a gente corra atrás deste debate. Se a prefeitura precisa entender que cultura não é só evento, que a gente inaugure este debate também”, indagou o artista.

O prefeito, Carlos Du (MDB), teria dito à população barbacenense que "trata-se de um investimento para colocar a cidade na rota do turismo de natal". Porém, mesmo assim, a maioria da população tem dado apoio aos artistas e cobra do prefeito explicações sobre os gastos. Pelas redes sociais, moradores se mobilizam em mostrar as ruas esburacadas da cidade como forma de protesto. 

Empresa receberá R$ 620 mil de verba

Prefeito de Barbacena, Carlos Du (MDB). Foto: Reprodução/Redes Sociais

Segundo o Edital 05/2021, publicado no Diário Oficial Eletrônico de Barbacena na última terça-feira (17), o município vai pagar R$620 mil para uma empresa para elaborar e executar o projeto “Sonho de Natal”. A vencedora do processo foi a L. R. Aydar Produções Artísticas Limitada, sediada em São José do Rio Preto - SP.

O edital de licitação prevê que a empresa deverá executar atividades como: projeto artístico completo para as festividades de Natal do município de Barbacena, para o período de 18/12 à 24/12/2021; programação/roteiro de shows e apresentações artísticas para palco principal a ser instalado no Jardim Municipal na área da fonte luminosa, com temática natalina; parada natalina (desfiles temáticos); um personagem vivo Papai Noel, para atendimento e recebimento das cartinhas de Natal e uma apresentação e encenação de um presépio vivo. 

Além disso, o edital implica que a empresa deve contar com sete artistas no projeto. A Prefeitura de Barbacena diz, no edital, que a participação dos artistas não será remunerada, sendo considerada como “serviço público artístico”.

Vereador cobra posicionamento do prefeito

Em publicação nas suas redes sociais nesta segunda-feira (22), o vereador Thiago Martins (PV) disse que “está no aguardo da resposta da Prefeitura de Barbacena sobre os gastos com o Natal e o porquê da não contratação remunerada de artistas da cidade”. “Espero que o Prefeito Carlos Dú reavalie a situação para valorizar o que é da nossa terra!’, afirma o vereador.

O que diz a Prefeitura

Em entrevista concedida à Rádio Sucesso nesta terça-feira (23), Carlos Du informou que o investimento da Prefeitura é o recurso disponibilizado pela Prefeitura para o evento é “exclusivamente para o evento do Natal”. “No início do ano nós fizemos provisionamento deste recurso para esse fim. Então esse recurso não está saindo do investimento em infraestrutura”, informa o prefeito.

Sobre os protestos da população, que questionou o gasto com o evento de Natal enquanto outras ações da prefeitura poderiam ser realizadas com a verba, como a fila para as cirurgias eletivas e pavimentação das ruas, o prefeito disse que a verba é para os 18 dias de evento, não apenas para a ornamentação das vias públicas do município e que "fica triste quando a população recebe informações distorcidas".

"Pessoal tá achando que esse dinheiro foi investido na ornamentação que está sendo feita até agora e não é gente, a coisa tá começando a acontecer agora. A programação vai começar no dia 18 de dezembro, então é um grande evento e isso é público. Saiu no edital e o edital mostra tudo o que vai ser feito. A gente fica triste quando eu recebo algumas informações distorcidas e acaba confundindo a população, criando no imaginário popular esse tipo de questionamento", alega Carlos Du, garantindo que não vai faltar dinheiro para as cirurgias eletivas e ressaltando trabalho da sua administração em relação à pandemia da Covid-19 e também sobre a pavimentação das ruas.

Contudo, durante a entrevista, o prefeito não comentou sobre o edital implicar que os artistas se apresentem de forma voluntária como "serviço público artístico".

Nossa reportagem realizou por diversas vezes o contato com o Gabinete da Administração da Prefeitura de Barbacena nesta terça-feira (23), assim como o número deixado pelo Prefeito Carlos Du em suas redes sociais, mas sem sucesso. Até o momento, a Prefeitura ainda não se posicionou publicamente sobre os protestos dos artistas. Caso a prefeitura se manifeste, as informações serão atualizadas.

O portal Mais Vertentes também não conseguiu falar com a empresa ganhadora do edital, L. R. Aydar Produções Artísticas Limitada, de São José dos Campos.

 

Faça parte e ajude o Mais Vertentes

Precisamos de você para seguirmos independentes, investigativos e fortes. Ajude-nos com o jornalismo que nasceu para cutucar e mudar. Clique aqui para mais informações sobre o nosso trabalho!

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias