Quinta, 20 de Janeiro de 2022
19°

Poucas nuvens

São João del Rei - MG

Política Eleições 2022

Eleições 2022: Alexandre Kalil (PSD), prefeito de Belo Horizonte, confirma pré-candidatura ao governo estadual

No entanto, Kalil pontua que, agora, está preocupado com Belo Horizonte; DATATEMPO aponta que Kalil tem 22,9% das intenções de voto.

22/12/2021 às 17h53 Atualizada em 23/12/2021 às 12h15
Por: Thais Marques
Compartilhe:
Alexandre Kalil (PSD) confirmou sua pré-candidatura em entrevista coletiva nesta terça-feira (21), onde apresentou os balanços de sua gestão na Capital em 2021. Foto: : Leandro Couri/D.A Press
Alexandre Kalil (PSD) confirmou sua pré-candidatura em entrevista coletiva nesta terça-feira (21), onde apresentou os balanços de sua gestão na Capital em 2021. Foto: : Leandro Couri/D.A Press

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD) é pré-candidato ao governo de Minas Gerais. Em entrevista coletiva à imprensa nessa terça-feira (21), o prefeito da Capital afirmou que é "candidato natural ao governo de Minas Gerais". Apesar de mais uma vez se recusar a confirmar a empreitada para o Palácio Tiradentes, Kalil sinaliza que, de fato, deve buscar a sucessão do governador Romeu Zema (Novo). 

Kalil pondera que, neste momento, está preocupado com Belo Horizonte. “Acho que pela pandemia, pela fome, pelo gás, pelo transporte público, pela saúde, eu, agora, estou focado na nossa cidade. Na minha cidade. Na cidade em que fui eleito para tomar conta. E vai ter hora. O prefeito de Belo Horizonte é candidato natural ao Governo de Minas? Sim, sim. É candidato natural, mas, por enquanto, estou sentado na minha cadeira, preocupado, agora, neste exato momento, com nove UPAs, com a paralisação, blecaute ou paralisação do transporte público e com a chuva”, afirma.

O prefeito ainda indica que tem apenas duas opções diante dos gargalos da administração municipal. “Tenho duas coisas a fazer: tiro isso da minha cabeça ou eu largo a cadeira de prefeito para outro pensar nisso. Mas ninguém pode pensar em coisa diferente se está preocupado com a cidade. Nós estamos preocupados com Belo Horizonte e vamos trabalhar pela cidade. Fiquem tranquilos: se o prefeito resolver sair para concorrer ao Governo de Minas, não há como ele fazer isso sem a população saber. E deixando a Prefeitura olhada, com gente tomando conta”, garante. O vice-prefeito Fuad Noman (PSD) estava ao lado de Kalil na coletiva de imprensa.

Caso Kalil efetive sua candidatura ao Palácio Tiradentes, ele deve se desincompatibilizar da Prefeitura de Belo Horizonte até seis meses antes das eleições, ou seja, abril. Conforme a última rodada da pesquisa DATATEMPO – realizada entre 26 de novembro e 1º de dezembro –, o prefeito tem 22,9% das intenções de voto.

Zema, por sua vez, tem 45,7%. O resultado ainda garantiria a reeleição do governador em primeiro turno de acordo com o percentual de votos válidos. Entretanto, Kalil aumentou o conhecimento no interior de Minas. Se, em julho, 33,2% dos eleitores o desconheciam, agora, o índice caiu para 23,6%.

ERRATA: Havíamos informado que o partido de Kalil era PDT, mas na verdade é PSD. Pedimos desculpas pelo equívoco. 

Com informações: O Tempo*

Faça parte e ajude o Mais Vertentes

Precisamos de você para seguirmos independentes, investigativos e fortes. Ajude-nos com o jornalismo que nasceu para cutucar e mudar. Ou vai continuar lendo só o que os poderosos querem que publique? 

Ajude aqui o Mais Vertentes!

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias