Google Adsense Topo
Fotografia

Exposição

A mostra compreende uma série de 100 fotografias da carioca Adriana Vianna durante o inverno, registrando nuances e alternâncias da luz e da cor na paisagem, numa relação entre cultura e natureza.

07/03/2020 18h48Atualizado há 4 semanas
Por: Adriano Vianini
153
Cartaz divulgação O Eterno e o Efêmero, da fotógrafa Adriana Vianna.
Cartaz divulgação O Eterno e o Efêmero, da fotógrafa Adriana Vianna.

Os recentes trabalhos da fotógrafa e professora de história da arte, Adriana Vianna, estão em exposição no Centro Cultural UFSJ até 15 de março de 2020.

A exposição “O Eterno e o Efêmero” é sobre o que é transitório e o que é permanente na paisagem onde estão plantados a Igreja de São Francisco de Assis e a Serra do Lenheiro - bens patrimoniais da cidade. 

A mostra compreende uma série de 100 fotografias que Adriana fez durante o inverno registrando nuances e alternâncias da luz e da cor na paisagem, numa relação entre cultura e natureza. A artista isolou um bem patrimonial, à supressão de outros da cidade, durante o processo fotográfico, pois a presença do pôr do sol na Serra do Lenheiro passou a frequentar um ângulo generoso à frente desse monumento, destacando a personalidade das formas de sua arquitetura e o valor da sua presença para a comunidade que por ela passa diariamente com suas atividades cotidianas. 

“A ideia do efêmero vive nessa transitoriedade da natureza humana, a ideia do eterno vive no tempo e nesses monumentos extraordinários que habitam a cidade para que não hajam dúvidas sobre o mistério da fé e o mistério do encontro com Deus. O eterno e o efêmero também estão nessa fé que se abstrai no tempo e que visitamos em nossos momentos de questionamentos modernos e contemporâneos”, disse o também fotógrafo Paulo Fernandes.

"Acompanho o trabalho de Adriana há muitas décadas. Vejo na artista uma coragem e uma fé inabaláveis. Adriana trocou as certezas do Rio de Janeiro pelas incertezas de uma nova vida em Minas Gerais. São João del Rei já está impregnada na alma da artista e na sua visão poética que muito bem materializa nessa mostra que acontece na cidade”, ressaltou Fernandes. 

A carioca Adriana Vianna, atualmente morando em São João del-Rei, considera a exposição "na repetição da passagem do tempo pelo templo o trabalho de fotografia diariamente se desdobrou em formas de desenhos, pinturas e versos. Espero mostrar esse conjunto inédito”, disse a artista. 

Adriana Vianna é formada em Arte e Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Foi gestora do acervo cinematográfico do Grupo Estação Botafogo onde atuou também no projeto Escola no Cinema e no Festival do Rio. Foi produtora de exposições e assistente pessoal na Galeria Paulo Fernandes onde realizou diversas exposições de artistas contemporâneos (MAM RJ). Participou também de exposições coletivas e produções independentes na área de fotografia e audiovisual. Atualmente vive e trabalha como professora de história da arte da rede estadual em São João del Rei, Minas Gerais, Brasil. 

Serviços:

O Eterno e o Efêmero, por Adriana Vianna

Centro Cultural da Universidade Federal de São João del-Rei 

De 23 de janeiro a 15 de março de 2020

Todos os dias, finais de semana e feriados das 9 às 20 horas.

 Praça Dr. Augusto das Chagas Viegas, 17

Entrada franca.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
São João del ReiSão João del Rei - MG Notícias de São João del Rei - MG
São João del Rei - MG
Atualizado às 07h19
15°
Poucas nuvens Máxima: 22° - Mínima: 11°
15°

Sensação

5 km/h

Vento

93%

Umidade

Fonte: Climatempo
Anúncio
Anúncio
Municípios
Banner Sessão Esportes
Últimas notícias
Banner Sessão Entretenimento
Mais lidas