Quarta, 25 de Maio de 2022
12°

Poucas nuvens

São João del Rei - MG

Cultura Espaço Cultural

Juiz de Fora: Novo espaço artístico “Beco da Cultura” é inaugurado no Complexo Mascarenhas

O espaço será aberto a grupos artísticos para ensaios e apresentações no Corredor entre a Biblioteca Municipal e o Centro Cultural

06/05/2022 às 13h16
Por: João P. Sacramento
Compartilhe:
Imagem meramente ilustrativa. Foto: Internet / Reprodução
Imagem meramente ilustrativa. Foto: Internet / Reprodução

A Fundação Cultural Alfredo Ferreira Lage (Funalfa) inaugura nesta sexta-feira (6), às 19h, o Beco da Cultura, em Juiz de Fora. O espaço fica no corredor entre o Centro Cultural Bernardo Mascarenhas (CCBM) e a Biblioteca Municipal Murilo Mendes, ambos no Complexo Mascarenhas, na Avenida Getúlio Vargas, no Centro.

O Beco da Cultura tem por intuito atender a demanda da classe artística com espaço de ensaio e apresentação, além de ampliar as atividades culturais.

“Essa inauguração simboliza também a ocupação e a recuperação de um espaço de referência em nossa cidade, com grande fluxo de pessoas”, afirmou a diretora-geral da Funalfa, Giane Elisa Sales de Almeida, ao se referir ao Complexo Mascarenhas.

O espaço será disponibilizado aos artistas interessados em promover ensaios ou apresentações abertas ao público. O Beco da Cultura permanecerá aberto durante a semana entre 18h e 21h30, exceto às quartas-feiras devido à feira noturna na Praça Antônio Carlos.

Não será permitida a comercialização de ingressos para os atos artístico-culturais no local, nem venda de alimentos e bebidas. Nas datas em que houver eventos no CCBM ou na Biblioteca Municipal, a agenda também permanece fechada.

Os interessados em utilizar outros dias da semana devem formalizar a solicitação, apresentando um resumo da proposta e um pequeno histórico do grupo, coletivo ou artista pelo e-mail [email protected] É necessário também informar eventuais demandas de infraestrutura, como pontos de luz e banheiro químico.

O show de estreia é do projeto “Batuque na Roda”, idealizado e coordenado por Fabrícia Valle, que tem apresentações marcadas todas às sextas-feiras. A iniciativa promove rodas didáticas e outros eventos relacionados ao samba.

“A iniciativa também representa a possibilidade de dinamizar a cena musical e estabelecer a interseção com pessoas que estão vivenciando e produzindo samba nos quintais de casa e em outros espaços da cidade,” afirmou Fabrícia Valle.

Com informações: G1

Faça parte e ajude o Mais Vertentes

Precisamos de você para seguirmos independentes, investigativos e fortes. Ajude-nos com o jornalismo que nasceu para cutucar e mudar. Ou vai continuar lendo só o que “eles” querem que você saiba?  

Ajude aqui o Mais Vertentes!

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias