Quarta, 03 de Junho de 2020 03:05
32 999532355
Geral Reclamações

Operadoras de internet da região das Vertentes não seguem recomendações da Anatel e restringem acesso de devedores

Clientes das operadoras relatam restrições e corte no período de isolamento social do coronavírus.

02/04/2020 19h02 Atualizada há 2 meses
1.698
Por: Adriano Vianini
Ilustração: Mais Vertentes
Ilustração: Mais Vertentes

A Anatel assinou com as companhias de telecomunicações no dia 20 de março um compromisso público de que os serviços de internet permanecerão operando durante a crise do coronavírus, mesmo com a grande mudança no perfil de uso provocada pelo isolamento dos brasileiros em casa.

O acordo foi protocolado após semanas de intensas negociações e resistências por parte de algumas empresas, segundo fontes próximas.

Operadoras de telecomunicações nacionais como Claro, Oi e Vivo, além de assinar o compromisso, aumentaram o acesso aos serviços de internet e TV por assinatura como maneira de facilitar a comunicação e atenuar os efeitos da crise desencadeada pela propagação do coronavírus no País. A Claro aumentou também a velocidade de banda larga para todos os assinantes, sem custo extra.

Já as principais operadoras que atuam nos 36 municípios do Campo das Vertentes, além da Zona da Mata e Sul de Minas, a Conecta, a NetRosas Telecom e a Vero Internet (antiga City10) não seguem essas recomendações e optam por continuar restringindo o acesso ou cortando a internet de clientes devedores durante a pandemia.

São diversas reclamações de usuários dessas operadoras que relataram a suspensão, restrição, corte, e baixa velocidade da internet nas últimas semanas.

Clientes da Vero Internet (antiga City10) estão reclamando também da falta de “compreensão” da operadora. A São-Joanense Maria Auxiliadora atrasou a conta por 15 dias e teve sua internet paralisada e restrita. “Estou em isolamento social há duas semanas, não tenho como imprimir o boleto em casa (porque eles não mandam mais a fatura impressa) e não tenho o hábito de pagar contas pela internet”, explicou. "Foram só 15 dias e ainda tive que ouvir da atendente que sempre foi prática da empresa. Mentira, pois não era assim quando era City10”, exclamou Maria Auxliadora.

Outra cliente da Vero Internet também disse que não está recebendo a quantidade de megas correspondentes ao pacote contratado. "Está praticamente a metade e a conta está em dia”, relatou.

Em Barbacena, uma cliente da NetRosas, Patrícia Oliveira, disse que teve sua internet bloqueada por estar com 20 dias em atraso. “As empresas precisam entender que estamos em isolamento, agora estou desempregada e sem renda. Falta de respeito com os clientes neste momento de coronavírus”, relatou.

Já as clientes da Conecta, Nina Giarola, relatou a morosidade da internet dela. “Está travada há dias”. Enquanto que a Alcileia Silva, confirmou ter sua internet desligada durante o período de isolamento.

 

Sobre as empresas

As três empresas Conecta, NetRosas Telecom e Vero Internet são consideradas as principais operadoras regionais de internet e televisão à cabo do Campo das Vertentes. Juntas elas abrangem mais de 80 cidades das vertentes, Zona da Mata e Sul de Minas.

 Nos sites corporativos, a Vero Internet diz que abrange "o interior de Minas Gerais e que atende 150 mil clientes, em mais de 40 cidades”. Enquanto a NetRosas Telecom se descreve como "a 1ª internet de Barbacena e a 6ª de Minas Gerais, tendo iniciado a implantação de sua rede própria de fibras óticas em 2010, atendendo hoje a diversos clientes corporativos e residenciais". E a Conecta se entitula "líder de mercado, a Conecta aposta na alta qualidade técnica, aliada às mais avançadas tecnologias, agilidade e excelência no atendimento, investindo constantemente na modernização de sua infraestrutura para continuar sua crescente evolução". Além disso, a Conecta atende mais de 26 municípios do Campo das Vertentes.

 

Falta de comunicação

Desde segunda-feira (30), o Portal Mais Vertentes vem contatando estas empresas sem sucesso. Justamente as empresas que visam a abrangência da comunicação, os canais são limitados ao Teleatendimento, WhatsApp e Fale Conosco.

Os atendentes dos canais telefônicos não possuem autorização para transferir ligações ou fornecerem informações sobre essas reclamações. Questionamos os atendentes das três operadoras sobre a flexibilização solicitada pela Anatel durante a pandemia e nenhum deles tinham informações a respeito. O Fale Conosco, nos sites corporativos, não funcionaram e/ou não chegaram aos responsáveis.

Em nenhum site das três empresas possuem outros canais como de imprensa, por exemplo. Chegamos a falar com a área comercial da operadora Conecta, que prontamente atendeu a ligação, mas ficou de repassar a demanda para o departamento responsável. 

Até o momento não obtivemos retorno de nenhuma das empresas.

Anatel 

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) é uma agência reguladora,  vinculada ao Governo Federal, e que respondeu nossa reportagem.

Segundo a agência “o acordo enviado às empresas de telecomunicações define que, caso algumas áreas do país venham a sofrer restrições de deslocamentos, as empresas terão de flexibilizar os prazos de pagamento para consumidores inadimplentes nestes locais. E em caso de descumprimento, a Anatel poderá adotar medidas mais severas, como a expedição de cautelares que preveem inclusive multas diárias".

A Anatel informou  também que com "o volume maior de pessoas utilizando a rede durante a pandemia, o tráfego online explodiu em diversas partes do mundo, incluindo no Brasil, derrubando a velocidade em quase 40%. Porém, essa instabilidade deve ser pontual e não constante", informou. A agência também disponibilizou os canais de reclamações para que os usuários e clientes destas operadoras possam se manifestar e que a Anatel tomará, se constatado, medidas cautelares.

Especialistas em internet também reforçam que à medida que a demanda sobe, a tendência é que a velocidade da conexão caia e a latência aumente. Nesse sentido, não adianta as operadoras oferecer pacotes com franquias ou velocidades maiores para o público se a infraestrutura não se adequar à demanda e ao número de pessoas acessando ao mesmo tempo.

Canais de Atendimento e Reclamações da Anatel

Telefone: Ligue 1331 para registrar, junto à Anatel, reclamações contra prestadoras, pedidos de informação à Agência, sugestões e denúncias sobre exploração ilegal ou irregular de serviços de telecomunicações.A central de atendimento telefônico da Anatel funciona de segunda a sexta-feira, nos dias úteis, das 8h às 20h. 

Internet: Utilize o serviço de atendimento via internet para registrar e acompanhar reclamações, denúncias, pedidos de informação e sugestões em relação às operadoras e à Anatel. O acesso ao sistema é feito mediante cadastro do usuário. Antes de  efetuar reclamação sobre os serviços de telecomunicações, procure sua prestadora e tenha em mãos, ao entrar em contato com a  Agência, o protocolo de atendimento da empresa. 

Aplicativo: Utilize o aplicativo "Anatel Consumidor" para registrar e acompanhar reclamações, pedidos de informação e sugestões, por meio de seu celular ou tablet. Por esse canal é ainda possível tirar as principais dúvidas sobre direitos do consumidor por meio da funcionalidade Perguntas Frequentes. O aplicativo pode ser baixado nas lojas de aplicativos de forma gratuita. O usuário pode utilizar o mesmo cadastro do serviço de atendimento via internet para utilizar o aplicativo. Antes de efetuar uma reclamação sobre os serviços de telecomunicações, procure sua prestadora e tenha em mãos o protocolo de atendimento da empresa.

 

Anúncio
São João del Rei - MG
Atualizado às 02h55 - Fonte: Climatempo
13°
Poucas nuvens

Mín. 12° Máx. 24°

13° Sensação
6.4 km/h Vento
86.7% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (04/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 14° Máx. 22°

Sol com algumas nuvens
Sexta (05/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 22°

Sol com algumas nuvens
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias